sábado, 10 de dezembro de 2011

despertar


ruídos de martelos e buzinas
alguns canários cantando no ipê
um sabiá

e esse sol invasor
violando segredo e solidão

é sábado

e eu me queria ainda um pouco madrugada
vestígio de bruma na manhã



Márcia Maia


3 comentários:

Wasil Sacharuk disse...

Sensacional captura... hoje eu também queria.

grande beijo

mfc disse...

Sábado de manhã... uma hora mágica!
Aquela em que o levantar é a nosso bel prazer.

hfm disse...

vestígio de belas palavras. sempre.