quinta-feira, 10 de março de 2011

inquietudes


é como se uma sala em outra sala
em uma a mais e em outra ainda

dentro eu

nenhuma voz pode alcançar-me
mão alguma

tampouco tu

que te perdeste há tanto
em teus próprios labirintos

e sequer a ti te encontraste



Márcia Maia


Um comentário:

sidnei olivio disse...

Perdido em mim, me encontro nas suas palavras. Beijos.